Problemas com o Desempenho do Wi-Fi?


Publicado em 08 Dezembro de 2019
Compartilhe:      

Os problemas com o desempenho do Wi-Fi podem ser um grande desafio para as empresas. Muitas vezes, mesmo com a contratação de um plano condizente com o uso que a empresa faz da internet, o Wi-Fi pode não funcionar corretamente, resultando em oscilações e alterações do sinal em diferentes setores do espaço físico da organização.

A internet chega por ondas semelhantes às de rádio e televisão, sendo decodificadas por um adaptador, como um roteador, por exemplo. O roteador determina qual o “caminho” que essas ondas devem seguir para chegar até os dispositivos – e, para que o funcionamento seja perfeito, quanto mais livre esse caminho, melhor.

Além de resolver esses problemas físicos e estruturais, a ampliação do sinal do Wi-Fi na sua empresa é uma forma eficiente e simples de manter a estabilidade e a funcionalidade da rede. Conheça, agora, os 5 principais problemas que afetam o desempenho do Wi-Fi na sua empresa!

1. Eletrônicos funcionando perto do roteador

Aparelhos eletrônicos, como telefones sem fio, micro-ondas e qualquer dispositivo que funcione por controle remoto, podem interferir diretamente no desempenho do Wi-Fi. Afastar esses dispositivos do modem pode ajudar bastante na distribuição correta do sinal.
O obstáculo é a chamada interferência de radiofrequência, ou RF. O mundo em que vivemos é repleto de sinais de rádio, e praticamente qualquer dispositivo eletrônico pode transmitir esses sinais, desde fones de ouvido sem fio bluetooth até fornos de microondas.
Quando um “cliente” de Wi-Fi (um aparelho que está recebendo dados via Wi-Fi) percebe outro sinal de radiofrequência – mesmo que não se trate de um sinal Wi-Fi – ele fica confuso, e para de transmitir e receber sinais até que esse outro sinal seja interrompido.
Isso acaba causando a redução da taxa de transmissão de dados da rede, e em alguns casos resulta em perda de pacotes – dados que saem de um local, mas nunca chegam a seu destino. Nesses casos, os dispositivos precisam retransmitir os dados, o que também diminui a velocidade da conexão.

2. Quedas de energia

Instabilidades na rede elétrica também afetam o correto funcionamento do Wi-Fi. Vale a pena investigar se as oscilações são na rede elétrica como um todo ou se o problema está em um local específico, como uma saída com mau contato, por exemplo.

Para resolver esse problema, a instalação de um estabilizador de rede ou de um no-break no local de acesso à rede conectada ao modem traz resultados imediatos, além de ter custo bastante baixo.

3. Vírus e malwares

Em alguns casos, o problema no desempenho do Wi-Fi não é culpa da rede nem do modem, mas sim do próprio dispositivo utilizado. Vírus e malwares são capazes de diminuir a velocidade de computadores, notebooks e até mesmo de celulares, dando a impressão de que a lentidão é da rede Wi-Fi.

Para evitar esse problema, mantenha seu dispositivo sempre protegido e só acesse a internet por meio de redes seguras e conhecidas.

4. Obstáculos físicos

Por mais improvável que pareça, as paredes são um dos principais obstáculos para um melhor desempenho do Wi-Fi na sua empresa. Diferentes ambientes e até mesmo pavimentos podem causar alteração na rede e na eficiência da velocidade contratada.

Contudo, não precisa sair quebrando todas as paredes da empresa para acabar com o problema. Descubra no próximo item como melhorar o desempenho do Wi-Fi nesse caso.

5. Falta de ampliador de sinal

Os obstáculos físicos nem sempre são simples de serem resolvidos para melhorar a eficiência da internet na sua empresa. Mas resolver o problema não requer uma fortuna nem é impossível.

Tem o repetidor e ampliador de sinal, por exemplo, pode ser uma boa solução para a sua empresa. Ele amplia o sinal de internet, garantindo a estabilidade e a velocidade do Wi-Fi em qualquer lugar do seu negócio, permitindo determinar a intensidade do sinal nas diferentes áreas da empresa, garantindo o máximo de eficiência para os setores que necessitam de internet para o seu funcionamento.

Dica: Se for em sua casa, que não requer tantos pormenores como a sua Empresa, faça você mesmo seu amplificador de sinal – Investigue no Youtube e mãos a obra.